O Vira-Lata

Um cachorro super-herói, paródia do Super-Homem, e que sempre fala em rimas. Esse é o Vira-Lata, produção de 1964/66, dos estúdios Leonardo Productions, Liaison Productions e Total Television.

O herói esconde sua identidade secreta na figura de um simples engraxate. Ao ouvir o canto de pedido de socorro de sua amada Doce Polly Purebread — “Onde, onde o meu Vira-Lata está… Onde, onde ele foi?” –, o super-cão procura uma cabine telefônica e toma sua pílula secreta, guardada dentro de seu anel, e se transforma no Vira-Lata.

– “Quando a Polly está me chamando eu não fico divagando! E hip, hip, hip, lá vou eu!”.

– “No compartimento secreto do meu anel de prata está a pílula de energia do Vira-Lata!”.

Entre seus inimigos, estão o mafioso Riff Raff e o inventor diabólico Simon Sinistro, que sempre inicia suas frases com “Simon diz…”.

“O seu problema acabou ! O Vira-Lata chegou!”

Share

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *